IndicarIndique este portal FavoritarAdicionar aos favoritos
Notícias

Workshop gratuito sobre eSocial lota auditório no Sindcont-SP

Postado em 16/05/2018.

 

Na noite de ontem, 15 de maio, o Sindicato dos Contabilistas de São Paulo – Sindcont-SP promoveu, em parceria com a Nith Treinamentos e a BSSP Centro Educaional, um workshop sobre o novo Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas – eSocial. A implantação do sistema em grandes empresas foi iniciado em janeiro de 2018 e a partir de julho a mesma terá validade para os demais empregadores. Já em janeiro/2019 começam os eventos de Medicina e Segurança do Trabalho. A iniciativa que reuniu cerca 200 pessoas foi ministrado pela professora e escritora Zenaide Carvalho. 

Na explanação do tema que está em evidência na Classe Contábil, a profissional, que profere treinamentos e palestras em todo o Brasil, afirmou que o sistema impactará mais de 3 milhões de empresas nos próximos meses. A palestrante explicou o que é eSocial, em sua vigência, obrigações trabalhistas, fiscais e previdenciárias e esclareceu os princípios do programa, que é garantir os direitos dos trabalhadores, simplificar os processos para os empregadores e aumentar o controle e fiscalização do governo federal, o que acaba se refletindo em uma maior arrecadação. 

“O eSocial já é uma realidade para mais de 140 mil empresas que deram início à implantação do sistema. São mais de 500 páginas para leitura, além da legislação fiscal, trabalhista e previdenciária que serão exigidas”, afirmou Zenaide. 

Na parte de eventos, a instrutora explicou que são situações que acontecem com o trabalhador no decorrer do mês, dentro de uma empresa (admissões, afastamentos, desligamentos, etc), além dos eventos de tabelas, que serão enviadas no início do eSocial. Todos os “eventos” no eSocial são micro declarações com direito a recibo e são divididos em cinco fases de vigência: empregador; trabalhador; folha e EFD-Reinf; fim da GFIP e início da DCTFWEB e SST. 

Já os pontos críticos alertados pela especialista, que está entre os Contadores mais influentes na internet no ano de 2017, estão na admissão, desligamento e pagamento de férias retroativas; estagiários: Lei 11.788/08; SST – Segurança e Saúde no Trabalho; cotas de aprendizes e pessoas com deficiência; tributação: INSS/IRRF/FGTS; fechamento do ponto de 01 a 31 do mês; consulta e correção da qualificação cadastral. 

Na ocasião, a palestrante apresentou algumas estratégias para implantação do sistema, com o intuito de externar sua visão sobre os principais aspectos da obrigação. A professora dividiu o planejamento em seis macro etapas: sensibilizar os gestores; identificar o que está errado, saber os pontos críticos; criar equipe para estudar e implantar o eSocial; corrigir rotinas e criar cartilha de novos procedimentos; fazer a comunicação com os diversos públicos-alvo; e preparar o sistema para receber os novos dados. 

“Não basta enviar dados ao eSocial. Os dados devem ser remetidos com qualidade, dentro das regras da legislação vigente e dos prazos corretos, para evitar autuações. A Receita Federal do Brasil e Ministério do Trabalho estão considerando este o "maior dos Speds" devido aos mais de 40 arquivos/eventos e mais de 2.500 campos com informações que serão enviadas ao grande banco de dados que será alimentado por todos os empregadores do País”, garantiu Zenaide Carvalho. 

De acordo com a professora especialista em eSocial, os escritórios contábeis terão um verdadeiro desafio de se adequar a esta rotina, já que nem sempre as informações chegam em tempo hábil para o fechamento da folha de pagamento. 

“A especialização é fundamental para os profissionais que desejam crescer na carreira e fazer parte desta evolução no mercado que é complexa e volumosa. O eSocial será a terceira revolução recente na área trabalhista e previdenciária”, assegurou Zenaide Carvalho, que mantém, desde 2007, o Blog da Zê, com informações da área Trabalhista e Previdenciária e mais de um milhão de acessos por ano. 

A atividade, que foi dirigida a Contadores, profissionais de Recursos Humanos, advogados tributários e outros profissionais que atuam na área, arrecadou de 359 kg de alimentos que serão doados para a organização sem fins lucrativos, Fraternidade Irmã Clara, que abriga e atende portadores de paralisia cerebral.

 

Visite-nos no LinkedIn! Curta nossa página no facebook!



Texto: Bruna Raicoski
Fotos: Bruna Raicoski
Edição: Lenilde De Leon

De León Comunicações