IndicarIndique este portal FavoritarAdicionar aos favoritos
Notícias

Aderbal Hoppe: busque uma forma de inspirar e contribuir

Postado em 10/10/2018.

O diretor da 5ª Seção Regional do Instituto dos Auditores Independentes do Brasil – Ibracon, Aderbal Hoppe, acredita ser fundamental para os Profissionais da Contabilidade buscar uma forma de inspirar e contribuir com seus pares e os futuros Contadores. 

Isso porque a sua escolha pela profissão foi motivada por dois dos seus professores, nos quais se inspira até hoje. 

“O meu primeiro contato com a Contabilidade ocorreu nos meus anos de escola, no segundo grau, na especialização Técnico de Contabilidade. À época, dois profissionais foram essencialmente relevantes para minha história, ao despertarem meu interesse pela profissão: os professores Cid Santos e Edson Barbosa. Eles são figuras ainda presentes em minhas memórias, pois serviram de exemplo ao exigirem bastante e, consequentemente, fazendo com que eu aprendesse muito”, contou. 

Por isso, o profissional acredita que ter exemplos como eles na fase em que se busca descobrir o que quer ser, seja como pessoas ou como profissionais, é imprescindível. 

Já interessado pelo assunto de Contabilidade, logo após a escola, procurou mais conhecimento e, assim, ingressou na faculdade, no curso de Ciências Contábeis. 

“É extremamente importante o papel exercido por mentores durante as fases em que o estudante está mais propenso a buscar uma profissão com base em suas habilidades e, claro, em sua vocação. Essa aproximação, quando bem-feita, contribui para a formação de profissionais empenhados e qualificados e a lapidação de novos talentos. Hoje, procuro fazer como meus mentores, buscando uma forma de inspirar e contribuir. É claro que, atualmente, há várias maneiras de se fazer isso. Acredito que o Ibracon – Instituto dos Auditores Independentes do Brasil, do qual eu faço parte como diretor, exerce muito bem esse papel, oferecendo, constantemente, oportunidades para que esses novos talentos ingressem no mundo da auditoria independente.”   

Educação continuada 

O auditor reforça a importância do aprimoramento profissional constante, tanto para auditores quanto para os demais Contadores. “Todas as experiências dentro e fora das salas de aula aumentaram meu interesse, curiosidade e empenho em continuar a seguir pela graduação em Ciências Contábeis, que fiz pela Universidade Regional de Blumenau (FURB); na pós-graduação em Gestão de Negócios, pela Universidade Federal do Paraná (UFPR); e no mestrado em Ciências Contábeis e Atuárias, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP)”. 

A escolha pela auditoria foi algo natural, uma vez que o profissional começou sua carreira em um escritório de Contabilidade e auditoria. Essa vivência com as demonstrações contábeis e a exploração de assuntos da área acabaram por mostrar um braço da Contabilidade que era interessante e desafiador, o da Auditoria Independente. 

À época, Hoppe havia passado por uma seleção interna de uma empresa reconhecida e com história de mercado. O profissional relata que esses anos de parceria prolongaram-se e continuam até hoje, pois ambos trabalham com assuntos e ambientes em comum. 

“Manter esse contato com profissionais e poder aprender com quem domina a técnica, sabe da importância da ética, da transparência, da honestidade e da integridade para a profissão, é um orgulho que pretendo utilizar e aplicar em mensagens para outras gerações de profissionais, seja na minha rotina ou nas ações que compartilho com o Ibracon”. 

O auditor divaga que, se não fosse Contador, com certeza estaria na área da tecnologia. Isso porque, curiosamente, ou não, hoje praticamente todas as profissões estão convergindo para a tecnologia. Se não estão, vivem um processo de adequação às novas ferramentas de aprimoramento, o que faz com que a tecnologia esteja presente no dia a dia dos trabalhadores de diversas áreas, inclusive a contábil. 

“É visível a grande virada que ocorre em todas as profissões com o uso da tecnologia. E esse período constante de mudança é importante e assustador, pois permanece para diversos profissionais o cenário de novas promessas de conquistas no que tange à qualidade dos serviços e avanços relevantes para a governança das entidades.” 

Casado com Marise, Aderbal tem dois filhos: uma menina de 14 anos e um menino de 11 anos. Nas horas vagas o profissional gosta de caminhar, tanto para exercitar o corpo quanto relaxar a mente.

Futuro 

Aderbal salienta a importância da atualização constante dos Profissionais da Contabilidade tanto agora quanto no futuro. “As normas técnicas e o trâmite das leis e suas aplicações estão em constante movimentação e seguem como assuntos de destaque em congressos, conferencias e eventos voltados à classe. Por ter de lidar com mudanças normativas e seguidos treinamentos para atingir o grau necessário de especialização, acredito fortemente que o profissional de contabilidade pode e deve empoderar-se mais na sua própria profissão”. 

Questionado sobre as vantagens de trabalhar com auditoria, o profissional salientou que vale muito a pena atuar neste segmento. Para se ter ideia, é cumprindo a configuração da profissão que se pode sentir a satisfação e a ciência do valor que somos impelidos a agregar na sociedade. As exigências regulatórias fazem com que o profissional compreenda a cada dia o seu trabalho e a extensão de suas qualificações. Ao tempo que isso ocorre, a sociedade pode acompanhar os esforços de contadores e auditores independentes para absorverem novas técnicas de estudos e, assim, manter a consistência de seus trabalhos. 

A competitividade do mercado e os cenários que requerem atualizações, maturidade e empenho, além da ética e transparência com os processos, são o que traz engajamento para o próprio profissional e o que aquece o mercado. Dessa forma, a sociedade é quem ganha, por ter uma gama de profissionais mais qualificados e capazes de lidar com situações mais diversas, visto que auditores independentes têm papel preponderante na prática da regulação de suas atividades, que são acompanhadas por órgãos reguladores e fiscalizadores.

“Trabalhar com auditoria é ter certeza de que você estará cercado de profissionais qualificados e empenhados em oferecer serviços de alta qualidade. Tal competitividade abre as portas para novos talentos e demonstra como a carreira da auditoria independe, um dos braços da contabilidade, continua sendo atraente e está em plena ascensão em nosso país.”

 

Visite-nos no LinkedIn! Curta nossa página no facebook!



Texto: Katherine Coutinho
Fotos: Arquivo pessoal
Edição: Lenilde De León

De León Comunicações