Notícias

José Maria Giaretta Camargo: A sorte é a competência aliada à oportunidade

Postado em 13/03/2019.

Encerrando a série de perfis dos profissionais que presidiram o Sindicato dos Contabilistas de São Paulo – Sindcont-SP, em comemoração ao ano do centenário da Entidade, hoje trazemos a história de José Maria Giaretta, que geriu o Sindicato de 1996 a 1998.

José Maria Giaretta é contador e assessor empresarial e dedicou vários anos da sua vida ao desenvolvimento da profissão.

Durante a sua gestão, Giaretta conseguiu, por meio de parcerias e convênios com outras entidades, realizar diversas reformulações para que a Entidade tivesse receita para não depender somente das contribuições sindicais.

Além disso, estas parcerias beneficiam, até hoje, os profissionais da Contabilidade associados ao Sindicato.

O atendimento ao público também foi reestruturado em todos os setores da Entidade. Essas mudanças foram essenciais para colocar a categoria dos contabilistas em uma posição de destaque no meio empresarial.

Formação

Nascido em Santa Rita do Passa Quatro, município da região de Ribeirão Preto, o profissional mudou para a capital paulista em 1972.

Giaretta foi convidado a trabalhar na área contábil quando ainda estudava Ciências Econômicas. “Eu atuava na área administrativa de uma empresa, que era cliente de um escritório contábil. Uma contadora desse escritório estava prestes a sair de licença maternidade. Foi então que recebi o convide para substituí-la para atender à sua carteira de clientes”, lembra o profissional.

Segundo o profissional, o fato ocorreu antes mesmo do seu ingresso na graduação em Ciências Contábeis. Mas, ainda assim, ele aceitou o desafio, mesmo não tendo, até então, planos de migrar para a área contábil. “Ali praticamente aprendi o que era Contabilidade em seis meses. Sempre trabalhei na área de ciências exatas, mas foram as Ciências Contábeis que abriram as portas para minha consolidação profissional”, disse Giaretta.

Alguns anos depois, Giaretta montou o seu próprio escritório, em 1978, no qual atua há mais de 40 anos.

Inclusive, um dos desafios enfrentados durante a sua gestão foi conciliar as atividades laborais com as ações do Sindicato, algo que não se arrepende de fazer.

Em 1993, assumiu a vice-presidência do Sindicato, na gestão do profissional da Contabilidade Walter Arnaldo Andreoli, e em 1996 tornou-se presidente da Entidade.

“Foi um período de muito trabalho, mas muito gratificante. Naquele momento, o Sindcont-SP enfrentava problemas financeiros, e precisávamos realizar algumas reformas. Firmamos alguns convênios e parcerias com outras entidades. Executamos uma série de reformulações para que a Entidade tivesse receita para não depender somente das contribuições sindicais. Felizmente, nossa diretoria atingiu a maioria dos objetivos propostos”, destaca.

Confira também os perfis dos demais presidentes da Casa, como: Sergio Prado de Mello, Jair Gomes de Araújo, Victor Domingos Galloro e José Heleno Mariano.

 

Visite-nos no LinkedIn! Curta nossa página no facebook!



Texto: Katherine Coutinho
Fotos: Arquivo Deleón
Edição: Lenilde De León

De León Comunicações