IndicarIndique este portal FavoritarAdicionar aos favoritos
Notícias

Curso de Contábeis na Trevisan Escola de Negócios é o único que nasceu de uma empresa de Auditoria

Postado em 22/12/2015.

Com 26 professores no corpo docente, a Trevisan Escola de Negócios determina as condições fundamentais para que o futuro profissional da Contabilidade seja capacitado a compreender as questões científicas, técnicas, sociais, econômicas e financeiras, em âmbito nacional e internacional, e nos diferentes modelos de organização, independente do porte ou segmento. Outro diferencial da Faculdade é apresentar pleno domínio das responsabilidades funcionais envolvendo apurações, auditorias, perícias, arbitragens, noções de atividades atuariais e de quantificações de informações financeiras, patrimoniais e governamentais, com a plena utilização de inovações tecnológicas.

De acordo com o coordenador do curso de Ciências Contábeis, professor mestre Cristiano Corrêa, a autorização para funcionamento da graduação foi designada pelo Conselho Nacional de Educação - CNE através das Portarias 909 e 910, publicadas no Diário Oficial da União de 22 de junho de 1999.

Com 16 anos de existência, a graduação regular do curso de Ciências Contábeis é concluída em quatro anos. Há situações específicas em que alunos formados em outras áreas do conhecimento podem dispensar algumas disciplinas por meio do aproveitamento de outros estudos, segundo ele, propiciando a conclusão em, no mínimo, dois anos. Para Corrêa, diversos são os diferenciais do curso e, entre eles, destaca que a Trevisan é a única faculdade que nasceu de uma empresa de Auditoria. “Além disso, temos parceria integrada com as principais empresas de Auditoria do mundo e um excelente histórico de aprovação no Exame de Suficiência do Conselho Federal de Contabilidade – CFC, em que muitos alunos são aprovados antes mesmo de concluir o curso”. 

A graduação também foi premiada com cinco estrelas na última edição do Guia do Estudante 2015 por conta de seu corpo docente, todos mestres e doutores, que atuam em renomadas empesas do ramo contábil. Por ano, a Faculdade, que forma cerca de 100 estudantes, possui um projeto político-pedagógico desenhado para a realidade atual do mercado: “Dentre nossas metas principais estão: melhoria continua no processo de autoavaliação, buscando nota máxima no Ministério da Educação - MEC; ampliação dos níveis de aprovação no Exame de Suficiência do CFC; e o preparo do egresso do curso para o mercado de trabalho”. 

Informações 

Dados do MEC mostram que há muitos anos o curso de Ciências Contábeis é o 4º mais procurado. Na visão do coordenador do curso de Ciências Contábeis da Trevisan Escola de Negócios, esse fato se deu a partir da internacionalização das Normas Internacionais de Contabilidade a partir de 2008, aumentando a demanda por profissionais nesta área de conhecimento: “Outro fator contributivo é a empregabilidade da profissão, em que 90% dos discentes já estão empregados na área antes mesmo de se formar.  O bacharel em Ciências Contábeis pode atuar em mais de 30 funções diferentes. A profissão contábil traz uma vantagem frente a outras áreas, uma vez que pode ser exercida por pessoas de qualquer idade”. 

Para ele, a tendência é que o curso assuma um papel preponderante na sociedade, afina,l à medida que há mais rigor, as empresas irão necessitar de profissionais cada vez mais qualificados. “Além do papel contábil, o curso da Trevisan Escola de Negócios habilita o profissional para tomada de decisões empresariais”, disse, comentando que o perfil do Profissional da Contabilidade passou a ser de consultor e conselheiro da organização das empresas, zelando pelos seus números estrategicamente e não mais para controlar as guias. Pelo menos em 95% do trabalho, o contador faz análises tributárias, legais, trabalhistas, compara índices, obtém conclusões matemáticas e traça rotas para seus clientes. 

O bacharel em Contábeis pode atuar nas empresas, de forma independente, no ensino e em órgãos públicos. Podemos destacar algumas funções que podem ser exercidas entre elas: auditor interno, perito, consultor, controller, planejador tributário, auditor independente, analista financeiro, contador de custo, contador gerencial, empresário contábil, investigador de fraudes, professor, pesquisador, parecerista, conferencista, contador público, agente fiscal de renda, oficial contador, arbitragem, contador internacional. Enfim, uma gama de opções.

Por sua vez, o curso de pós-graduação da Trevisan Escola de Negócios é voltado principalmente para profissionais da área de gestão de negócios. Para atender às necessidades de desenvolvimento profissional corporativo, os cursos são estruturados a partir da experiência da Trevisan, que desde 1983 presta serviços de Consultoria, Auditoria e treinamento empresarial. “Desse modo, teoria e prática se integram e favorecem o desenvolvimento das competências e das habilidades fundamentais para a formação do executivo”, finaliza Corrêa. 

Visite-nos no LinkedIn! Curta nossa página no facebook!



Texto: Danielle Ruas
Fotos: Divulgação
Edição: Lenilde De León

De León Comunicações